Sunday, 30 April 2017

Quarta vitória consecutiva

Nesta sexta-feira, dia 28 de abril, o St. Pauli recebeu abaixo de muita chuva o FC. Heidenheim no Millentor. Restando apenas 3 rodadas para o encerramento do campeonato, o St. Pauli emplacou sua 4ª vitória consecutiva, deixando a zona do rebaixamento para trás.




Começando as boas notícias com os retornos de Dudziak e Nehrig que eram dúvidas para o confronto devido a lesões. Apenas Ziereis nãs estava disponível, sendo substituído por Hornschuh.

O St. Pauli iniciou a partida tomando controle do jogo e aguardando algum erro do adversário, mas o FCH bem postado defensivamente, atrapalhou os planos dos mandantes. Aos 18 minutos a primeira chance foi criada. Com avanço de Dudziak na esquerda, ele toca para Buchtmann dentro da área que chuta cruzado na rede pelo lado de fora. Aos 36, Daelhi rola na entrada da área para Sobota, que tem seu chute bloqueado, ao ser afastada a bola sobra para Nehrig que chuta de fora da área, sendo defendido por Muller. Pouco tempo depois, Dudziak aparece na esquerda e cruza, Bouhaddouz divide com a defesa e a bola passa a direita do gol.




No intervalo, Lienen troca Dudziak por Buballa e como se tornou rotineiro nas últimas partidas, a equipe sobe de rendimento na etapa final.

Aos 52 minutos, Sobota cobra falta próximo ao bico esquerdo da área, um chute violento que encontra o peito de Verhoek, desviando a bola para as redes. Gol contra do FCH. 1x0 St. Pauli. Esse gol desestabilizou a equipe do FCH. Aos 55 minutos, o goleiro do FCH, Muller cobrou tiro de meta curto e recebeu a bola novamente, quando Bouhaddouz foi pressiona-lo, ele foi se livrar da bola e a entregou nos pés de Moller Daelhi, que o tirou da jogada e empurrou a bola para o gol, 2x0 St. Pauli.




Mais 7 minutos se passaram até que em uma cobrança de escanteio, a defesa afasta mal a bola para a entrada da área, Sobota domina e lança Buchtmann livre de marcação na esquerda, que cruza rasteiro para Bouhaddouz marcar o dele. St. Pauli 3x0 para festa dos torcedores que mais uma vez lotaram o estádio.

Bouhaddouz ainda perderia uma chance incrível, entrando sozinho na área e finalizando no canto, mas Muller com o pé realizou a fantástica defesa. O FCH ainda jogaria o final da partida com um jogador a menos, quando aos 79 minutos Titsch-Rivero recebeu o segundo cartão amarelo e consequentemente o vermelho.



Com esse resultado, o St. Pauli terminou a rodada com 38 pontos em 11° lugar, cinco pontos a frente da zona de rebaixamento. Na 32ª rodada, o St. Pauli vai enfrentar fora de casa o Kaiserslautern, que está em 12° com os mesmos 38 pontos, na sexta-feira 05 de maio, as 13:30.

Ficha da Partida

FC St. Pauli

Heerwagen – Hornschuh, Sobiech, Gonther, Dudziak (46. Buballa) – Nehrig (79. Flum), Buchtmann – Sahin (75. Thy), Møller Dæhli, Sobota – Bouhaddouz
Técnico: Ewald Lienen 

1. FC Heidenheim

Müller – Becker, Wahl, Theuerkauf, Feick – Titsch-Rivero, Rasner (74. Gnaase) – Schnatterer, Halloran (70. Lankford) – Verhoek, Kleindienst (81. Strauss)
Técnico: Frank Schmidt 

Gols: 1:0 Verhoek - GC (52.), 2:0 Møller Dæhli (56.), 3:0 Bouhaddouz (63.)

Cartões Amarelos: Hornschuh, Sahin, Thy / Wahl, Titsch-Rivero.

Cartão Vermelho: Titsch-Rivero (79.)

Árbitro: Robert Schröder


Público: 29.546

No comments:

Post a Comment